25 de Setembro 2017
RSS
Edição:
#207
Mês:
ABR
Ano:
2016
DESTAQUES SEÇÕES
Amon Amarth
Autograph
Lost Society
Resurrection Kings
Judas Priest
Satan
Aria
Paul Stanley
Axel Rudi Pell
Borknagar
Evil Invaders
Editorial
Cenário
Roadie Mail / Top 3 / Memória
Backspage/Brotherhood/Stay Heavy/Batalha
Blind Ear – Mike Howe (Metal Church)
Eternal Idols – Keith Emerson
Releases CDs/DVDs/Blu-ray
Garage Demos
Hidden Tracks – Billion Dollar Babies
ClassiCover / Lado B+
Collection – Krokus
ClassiCrew
Live Evil – Monsters Of Rock Cruise
Live Evil – Rolling Stones
Live Evil – Tygers Of Pan Tang e Picture
Live Evil - Steven Wilson
Live Evil - Iron Maiden
Background – Mr. Big - Parte 1
Play List – Udo Dirkschneider
Profile - Mizuho Lin (Semblant)
Poster – Death
Amon Amarth
Por Guilherme Spiazzi

Amon Amarth

Guilherme Spiazzi

Esmorecer ou afrouxar certamente não são palavras contidas no dicionário viking dos componentes do Amon Amarth. De Tumba, na Suécia, para o mundo, o grupo trabalhou para conquistar sua base de fãs começando com Once Sent From The Golden Hall (1998) e seguiu evoluindo até conseguir figurar pela primeira vez nas paradas de sucesso da Billboard com With Oden On Our Side (2006). O ótimo desempenho do grupo foi mantido em Twilight Of The Thunder God (2008) e Surtur Rising (2011), culminando em Deceiver Of The Gods (2013), que trouxe certa renovação. São quase duas décadas de Melodic Death Metal, buscando aperfeiçoar o equilíbrio entre peso e melodia e mesmo depois de perder o seu baterista de longa data, Fredrik Andersson, em 2015, o grupo aceitou o desafio de trabalhar num álbum conceitual. Jomsviking, décimo disco de estúdio, conta uma história original e totalmente embasada no contexto cultural de Johan Hegg (vocal), Olavi Mikkonen e Johan Söderberg (guitarras) e Ted Lundström (baixo). Essa nova fase do grupo é contada por Hegg e Mikkonen nesta entrevista exclusiva à ROADIE CREW. 
Roadie Crew copyrights © 2011 - All Rights Reserved - Todos os Direitos Reservados - Melhor visualizado em 1024x768