fbpx
Previous slide
Next slide
Previous slide
Next slide

CRAIG LOCICERO fala sobre o próximo álbum do FORBIDDEN; banda estreará no Brasil no Summer Breeze

Após onze anos afastado do cenário musical, o Forbidden, uma das instituições do thrash metal formada na prolífica região da Bay Area, retomou suas atividades em 2023. Ainda comandado pelos fundadores Craig Locicero (guitarra) e Matt Camacho (baixo), o grupo hoje conta com o retorno do guitarrista Steve Smyth (One Machine, ex-TestamentNevermoreVicious RumorsDragonlord e outros), que o integrou entre 2009 e 2012, e com os estreantes Norman Skinner (vocal) e o ex-Machine Head Chris Kontos (bateria). Desde esse retorno, a banda fez alguns shows nos Estados Unidos e também na Bélgica. Agora, o Forbidden se prepara para alguns shows de verão ao lado de seus pares do Death Angel, além de festivais, entre eles o Summer Breeze, que marcará a tão aguardada estreia do grupo em solo brasileiro (e o retorno do mencionado Death Angel). Em recente entrevista ao BlabbermouthLocicero matou a curiosidade dos fãs e deu alguns detalhes do próximo álbum de estúdio do Forbidden, sucessor de Omega Wave, quinto da discografia do grupo, lançado no longínquo ano de 2010. 

Craig Locicero | Foto: Raymond Ahner

Antes, porém, Locicero respondeu sobre os preparativos para os shows com o Death Angel. “Vamos mudar as coisas em ambas as noites. Não somos como o Death Angel, que tem todas as músicas na ponta da língua e pode tocar o catálogo de uma noite para a outra. Ainda estamos trabalhando com Norm e Chris. Haverá algumas diferenças. Em uma das noites, vamos tocar (o primeiro álbum) Forbidden Evil na íntegra. Na outra noite, vamos misturar com Twisted Into Form e algumas músicas mais recentes. Você verá uma banda que está tocando junta há cerca de oito meses. Vai ser melhor do que quando tocamos na Bélgica, porque temos mais dias juntos. E estamos muito mais unidos como uma unidade. Essas são as coisas que as pessoas vão notar. Há uma grande camaradagem e temos uma verdadeira unidade.”

Sobre o suposto álbum aguardado para 2025, Locicero analisou o que os fãs podem esperar do material que está sendo preparado:

“O Forbidden é uma anomalia. Não pensamos muito nisso. Acho que posso acertar quando digo que vai estar em algum lugar entre o Twisted Into Form e o Omega Wave. Estou me inclinando para os arranjos de Twisted Into Form e a maioria do que tenho escrito está (afinado) em Mi. Também vou ter músicas que caem [na afinação], como Omega Wave e possivelmente mais baixo. Quero que este álbum tenha picos e vales e uma paisagem emocional que você possa seguir. Tem que parecer uma história, mesmo que não seja um álbum conceitual. Tem que estar em vinil. Tem que sair em todos os formatos e na porcaria digital. Tem que ser tudo o que fez os discos serem ótimos. Vai ser tudo o que eu nunca consegui fazer. Estou muito confiante sobre isso. Comecei a escrever um monte de coisas. Tenho mais riffs do que esses caras pegaram porque continuamos fazendo shows. Espero tê-lo gravado até esta época no próximo ano para tê-lo pronto na primeira metade de 2025.”

Sobre o Forbidden 

Formado em 1985 como Forbidden Evil, o grupo simplificou seu nome em 1987 visando não ser rotulado como uma banda de black metal. Em sua primeira fase, a banda se destacou pelo thrash metal técnico e vigoroso apresentado principalmente em seus aclamados dois primeiros álbuns, Forbidden Evil (1988) e Twisted Into Form (1990), tendo junto de Locicero e de Camacho o eficiente vocalista Russ Anderson, os competentes guitarristas Glen Alvelais (então futuro e hoje ex-Testament, no primeiro disco) e o hoje saudoso Tim Calvert (no segundo álbum), além do exímio baterista Paul Bostaph, que mais tarde ganhou ainda mais notoriedade tocando em outras potências do thrash metal: SlayerExodus e Testament. Ao longo de sua trajetória, o Forbidden ainda lançou mais três álbuns, Distortion (1994), Green (1997) e o mencionado Omega Wave (2010).

Em 2001, a banda se reuniu brevemente como Forbidden Evil para tocar no Thrash of the Titans, um concerto beneficente para Chuck Billy (Testament) e Chuck Schuldiner (Death), que haviam sido diagnosticados com câncer. Em 2007, voltou a se reunir como Forbidden, inicialmente apenas para turnês, porém eventualmente decidiram continuar permanentemente.

O Forbidden entrou em hiato indefinido em 2012, quando Matt Camacho saiu e Russ Anderson decidiu tirar uma pausa do show business. Steve Smyth já havia deixado a banda mais cedo naquele ano. Em abril de 2023, no entanto, Locicero, Camacho e Smyth reformaram a banda novamente, admitindo Norman Skinner e Chris Kontos. Por sua vez, Anderson agora está aposentado de vez da indústria musical.

Forbidden no Brasil

A estreia do Forbidden no Brasil acontecerá na segunda edição do festival alemão Summer Breeze, que novamente acontecerá no Memorial da América Latina, em São Paulo, entre os dias 26, 27 e 28 de abril de 2024. O Forbidden é uma das atrações confirmadas para o sábado, segundo dia do festival. 

 

Para mais informações sobre o festival Summer Breeze Brasil 2024, acesse:

https://summerbreezebrasil.com

https://www.instagram.com/summerbreeze.brasil/

 

Os ingressos para o Summer Breeze Brasil 2024 já estão à venda online aqui.

 Forbidden 2023 (da dir. p/ a esq.): Matt Camacho, Steve Smyth, Norman Skinner, Chris Kontos e Craig Locicero | Foto: Raymond Ahner

 

Canal Roadie Crew no Whatsapp: 

https://www.whatsapp.com/channel/0029VaDAMivHQbSBJR6hmy45

Compartilhe:
Follow by Email
Facebook
Twitter
Youtube
Youtube
Instagram
Whatsapp
LinkedIn
Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS

EXCLUSIVAS

ROADIE CREW #279
Março/Abril

SIGA-NOS

45k

57k

17,3k

989

22,6k

Escute todos os PodCats no

PODCAST

ROADIE SHOP

SIGA-NOS

Cadastre-se em nossa NewsLetter

Receba nossas novidades e promoções no seu e-mail

Copyright 2024 © All rights Reserved. Design by Diego Lopes

plugins premium WordPress