fbpx
Previous slide
Next slide
Previous slide
Next slide

ELOY CASAGRANDE sobre o atual SEPULTURA GREYSON NEKRUTMAN: “A gente conversou”

Após tudo estar resolvido “bateristicamente” falando, com Eloy Casagrande oficializado no Slipknot e o americano Greyson Nekrutman tocando em seu lugar no Sepultura, o músico brasileiro revelou recentemente que conversou com seu sucessor após ele ter sido anunciado na banda mineira. Em entrevista à Veja, Casagrande comentou: “Mandei uma mensagem para ele. A gente conversou brevemente, desejei sucesso.”, revelou. “Eu já tinha o conhecido em janeiro. Quando fiquei sabendo que seria ele, mandei uma mensagem, desejei boa sorte”

O respeito mútuo entre os dois bateristas, a atitude cordial e a troca de gentilezas vai além de ambos se seguirem no Instagram. Eloy comentou como foi a recepção de Greyson à sua mensagem: “E ele também, agora, quando fui anunciado (N.R.: no Slipknot), escreveu para mim. Isso que é legal, a gente ter essa união, pelo menos no mundo “baterístico””

Casagrande também ressaltou que essa boa convivência também existe entre ele e seu antecessor no Sepultura“Tenho amizade com o Jean Dolabella, um grande amigo que passou pelo Sepultura, falo com o Greyson.”.

O primeiro semestre de 2024 viu acontecer uma verdadeira dança das cadeiras nesse episódio de mudança de bateristas entre SepulturaSlipknot e também o Suicidal Tendencies, que foi de onde Nekrutman saiu e cedeu o posto para Jay Weinberg, que por sua vez foi substituído por Eloy Casagrande no Slipknot. Casagrande também falou de sua relação próxima com Weinberg para exemplificar a situação entre ele e Nekrutman“Quando o Jay Weinberg, que estava tocando com o Slipknot até eu entrar, veio ao Brasil, a gente saiu para almoçar. Nos mantemos essas amizades, e só desejo boa sorte para todo mundo”, disse o baterista boa praça.

Aos 33 anos, Eloy Casagrande se despediu do Sepultura após 13 anos de serviços prestados. Nesse período atrás dos tambores da veterana banda brasileira, Eloy gravou três álbuns de estúdio, The Mediator Between Head and Hands Must Be the Heart (2013), Machine Messiah (2017) e Quadra (2020), além de Sepulquarta, disco que compila a performance do Sepultura e diversos convidados durante a pandemia do Covid-19.

Siga o canal “Roadie Crew” no WhatsApp:

Compartilhe:
Follow by Email
Facebook
Twitter
Youtube
Youtube
Instagram
Whatsapp
LinkedIn
Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS

EXCLUSIVAS

ROADIE CREW #279
Março/Abril

SIGA-NOS

45k

57k

17,3k

989

22,6k

Escute todos os PodCats no

PODCAST

ROADIE SHOP

SIGA-NOS

Cadastre-se em nossa NewsLetter

Receba nossas novidades e promoções no seu e-mail

Copyright 2024 © All rights Reserved. Design by Diego Lopes

plugins premium WordPress