fbpx
Roadie News
Tendência

JAMES HETFIELD revela o que lhe inspirou a dar o título “72 Seasons” para o próximo álbum do METALLICA

De surpresa, no último dia 28 de novembro o Metallica revelou ao mundo várias novidades de uma só vez: nova música, novo videoclipe, novo álbum, os detalhes do mesmo e nova turnê. O single da música Lux Æterna (assista ao clipe abaixo) deu um gostinho do que está por vir em 72 Seasons, novo álbum de inéditas que o Metallica irá lançar no dia 14 de abril de 2023, via Blackened Recordings, de sua propriedade. Obviamente, o disco, que foi produzido por Greg FidelmanJames Hetfield Lars Ulrich, tem despertado muita curiosidade e o canal do YouTube da ALT 105.1 divulgou um áudio de James Hetfield falando sobre o álbum.

Ele iniciou falando da nova música, Lux Æterna: “É uma música otimista, meio rápida e alegre, eu diria – realmente (ela é) um indicativo de coisas da New Wave of British Heavy Metal, uma espécie de riff de retorno aos anos 80. É simplesmente divertida e me faz me mexer. Foi divertido fazer o vídeo, divertido gravar uma música que sai muito fácil, que foi uma música muito fácil de compor e executar – como eu disse, muito parecida com o início dos anos 80 para nós”.

Outra coisa que Hetfield abordou, foi sobre o que lhe inspirou a criar o título 72 Seasons. “72 Seasons surgiu de um livro que eu estava lendo sobre a infância, basicamente, e resolvendo a infância como um adulto. E “72 estações” são basicamente os primeiros 18 anos de sua vida. Como você evolui, cresce, amadurece e desenvolve suas próprias ideias e identidade depois dessas 72 estações? Algumas coisas são mais difíceis do que outras – sabe, algumas coisas você não pode deixar de perceber e elas estão com você para o resto de sua vida; outras coisas você é capaz de rebobinar a fita e fazer uma nova fita em sua vida. Então, essa é a parte realmente interessante para mim, é como você é capaz de lidar com essas situações, como um adulto maduro”. 

Hetfield completou: “Houve muita escuridão em minha vida e em nossa carreira e coisas que aconteceram conosco, mas sempre tendo um senso de esperança, sempre tendo uma luz que está nessa escuridão… Sem escuridão, não há luz, e poder focar um pouco mais na luz da vida ao invés disso tudo… Como isso era e como é horrível… Tem muita coisa boa acontecendo na vida – eu foco nisso e isso ajuda a equilibrar minha vida”, explicou. “E não há um significado para isso – todo mundo tem algum senso de esperança ou luz em sua vida e, obviamente, a música é a minha (luz). A música (Lux Æterna) fala especificamente sobre reunir pessoas em um show e ser capaz de ver a alegria, a vida e o amor que vem da música, da família e dos parentes, e isso é apenas uma sensação de elevação”, concluiu.

A ROADIE CREW agora tem um canal no Telegram!

Participe para receber e debater as principais notícias do mundo do metal

https://t.me/roadiecrew

Recomendamos Para Você

Fechar
Fechar