fbpx
Previous slide
Next slide
Previous slide
Next slide

Morre MALCOLM DOME, ilustre jornalista e escritor britânico de rock/heavy metal

O jornalismo musical mundial está de luto. Aos 66 anos, faleceu o renomado Malcolm Dome. Até o momento, a causa da morte ainda não foi divulgada. Dome começou sua trajetória no final dos anos 70 na revista Record Magazine e depois seguiu carreira atuando em grandes publicações como Metal Fury, Kerrang!, RAW, Metal Forces, Classic Rock, Prog, Metal Hammer e Louder, além da revista de filmes de terror Terror e da rádio Total Rock.

Dome escreveu seu primeiro livro em 1981, Encyclopedia Metallica. Há quem diga que naquele momento esse título influenciou o nome de uma jovem e promissora banda americana chamada Metallica. Autor também de uma série de livros de bandas (alguns dos quais ele co-escreveu com Jerry Ewing), entre elas o próprio Metallica, Led Zeppelin e AC/DC, Dome também é creditado por ter inventado o termo “thrash metal” enquanto escrevia sobre a música do Anthrax, Metal Thrashing Mad, em 1984.

Ewing comentou: “Desde a primeira vez que o conheci como escritor, Malcolm foi um grande amigo para mim, assim como foi para muitos escritores também. A palavra lenda é difundida com muita frequência atualmente, mas Malcolm certamente foi. Ele tinha um conhecimento enciclopédico sobre música e era um dos homens mais amados e respeitados que conheço. Sentirei muita falta dele”.

Refletindo sobre sua carreira ao site Wicked World da Earache Records, Malcolm falou de quando começou a escrever sobre música pesada. “Foi uma época em que havia um sentimento genuíno de que nós, no Reino Unido, tínhamos as bandas mais emocionantes do mundo. Eram artistas que podiam levar a energia do punk e da classe do metal dos anos 70 a outro nível”, recordou. “De repente, havia jovens bandas de metal britânicas que eram confiantes, poderosas e relevantes. E isso mudou o mundo. A banda que melhor resumiu isso foi o Iron Maiden – eles representaram tudo o que havia de bom sobre o gênero. Mas o que a NWOBHM fez de melhor foi trazê-los de volta às raízes e às pessoas. Os fãs, as bandas – éramos um só. Essa era nunca voltou a acontecer”.

Falando em Iron Maiden, a Donzela de Ferro lamentou a morte de Malcolm Dome:

“Estamos todos muito tristes e chocados ao ouvir sobre o falecimento de nosso amigo Malcolm Dome. Ele era destemido, intrépido, apaixonado e franco como jornalista e ultimamente como locutor, e nós o respeitávamos imensamente”.

Outras homenagens nas redes sociais também vieram de nomes como Saxon, Devin Townsend, Orange Goblin, Phil Campbell (ex-Motörhead), Luke Morley (Thunder) e outros mais.

Edições avulsas, assinatura física e digital.

Conheça a nossa Roadie Crew Shop – acesse www.roadiecrew.com/roadie-shop

Apoie nosso jornalismo com uma contribuição de qualquer tamanho.
Seu apoio ajuda a continuarmos melhorando o conteúdo do site com entrevistas exclusivas, resenhas de shows, notícias e artigos. Toda contribuição, por maior ou menor que seja, é muito valiosa para nós. Clique em Doações

Compartilhe:
Follow by Email
Facebook
Twitter
Youtube
Youtube
Instagram
Whatsapp
LinkedIn
Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS

EXCLUSIVAS

ROADIE CREW #279
Março/Abril

SIGA-NOS

44,2k

57k

17,3k

1k

22,5k

Escute todos os PodCats no

PODCAST

ROADIE SHOP

SIGA-NOS

Cadastre-se em nossa NewsLetter

Receba nossas novidades e promoções no seu e-mail

Copyright 2024 © All rights Reserved. Design by Diego Lopes